segunda-feira, 6 de junho de 2011

Vaticínio do Oráculo ??


(Foto tirada da Internet)

Nas teorias liberais os mercados financeiros são vistos como uma espécie de oráculo que, devem poder agir livremente com o mínimo de intervenção possível, e que em mercados perfeitos ou quase perfeitos, incorporam toda a informação disponível e que reagem de imediato a qualquer acontecimento relevante, antevendo crises ou momentos de crescimento de uma economia.

Ainda não foi há muito tempo (no final do ano passado) aquando da aprovação do Orçamento de Estado para 2011, em que apenas alguns dias antes daquela pintelhice da foto do Blackberry, o PSD veio a público anúnciar que não tinha havido acordo para a sua aprovação e, logo quase imediatamente a Bolsa nacional caíu vertiginosamente. A mesma bolsa que pouco tempo depois, com a notícia da sua viabilização veio a recuperar.

Muitos outros exemplos existem, como mais recentemente quando o Ministro das Finanças, Dr. Teixeira dos Santos afirmou que quando a taxa de juro das Obrigações do Tesouro chegasse aos 7% o FMI aterraria logo no aeroporto da Portela.

Talvez tenha sido um afirmação pouco feliz, mas de imediato os mercados reagiram e a taxa de juro superou os 7%, como que testando essas mesmas afirmações. 

Esses mesmos mercados reagiam e pressionavam a liderança do ex-Primeiro Ministro levando cada vez mais a uma situação insustentável. Os mesmos mercados que reagiram negativamente aquando da reprovação do PEC IV. Os mesmos mercados que não deram tréguas enquanto José Socrates era Primeiro Ministro, levando a um desgaste cada vez maior da sua imagem. 

Porém ontem, depois do resultado das legislativas, onde a direita (PSD e CDS) obteve uma maioria absoluta, o que todos os partidos (PS, PSD e CDS) e até mesmo o Presidente da República reclamavam, a fim de existir uma estabilidade que permitisse ultrapassar a situção difícil que Portugal atravessa, seria de esperar que hoje os mercados reagissem em alta, sinal claro de que estariamos perante uma mudança de ciclo e que apartir de agora as coisas iriam melhorar.


Será isto afinal um vaticínio da competência, ou da falta dela, que se adivinha nos tempos mais próximos?    

O tempo o dirá !!!

2 comentários:

pinguim disse...

"O tempo o dirá"!!!!!!!!!!!!!!!

Utópico disse...

E quer-me parecer cá a mim que muito brevemente.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...