quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Fuga !

(Foto tirada da internet)

O Dia amanhece e o despertador toca. Mais um dia que se avizinha. No entanto, nos últimos dias, cada dia que passa a vida torna-se mais dificil e, desconfio que não vai ficar por aqui.

Basta irmos à internet, ler os jornais ou ver os noticiários na televisão para nos apercebermos disso:

Aumenta o desemprego;
Aumenta a instabilidade laboral e a incerteza;
Aumenta o IVA sobre a electricidade e o gás;
Aumenta o gasóleo;
Aumentam as portagens; 
Aumentam os transportes públicos;
Aumenta o IRS;
Aumentam as taxas moderadores e o preço dos medicamentos;
Aumentam os custos com a educação dos filhos;
Aumentam os juros;
Aumentam as comissões bancárias;
Aumenta o empréstimo à habitação;
Aumenta o café no bar da esquina;
Aumenta a criminalidade, talvez motivada por tantos aumentos;

Mas depois de tantos aumentos, verificamos que o défice também aumenta, e que as contas públicas estão longe de estar equilibradas, e ficamos com a ideia que tudo isto é para nada e que andam para aí uns quantos marmanjos a rirem-se de nós, estúpidos otários que temos que pagar a crise..

Passamos o dia todo a ser bombardeados com estas notícias, estejamos nós em casa, a conduzir ou no trabalho.

Chega a fim do dia e estou farto disto tudo.

Apenas quero chegar a casa, vestir uns calções e uma T-shirt, calçar os meus ténis e sair de novo para a rua para correr e ...

Fugir!
Fugir disto tudo!
Fugir durante 1 ou 2 horas!
Fugir enquanto as pernas aguentarem o esforço.

Depois resta-me chegar a casa e preparar-me para mais um dia. Um dia igual ao anterior, ou talvez ainda pior e esperar pelo próximo momento em que possa voltar a fugir, pelo menos por mais um momento...


 Participação no tema de Agosto/2011 ("Fugir") da Fábrica de Letras

4 comentários:

Luís Coelho disse...

Tudo o que aponta é a realidade dos nossos dias. Esta vertente está habilmente estudada e preparada por alguns daqueles que vão arrecadando as nossas economias.

Eles não sabem que para arrecadar tem de semear primeiro.
Eles não sabem que tem de criar riqueza e trabalho para todos.
Eles teimam em ser cegos e estúpidos até ao ponto de chegarem ao dia em que já nada resta onde possam tirar...tirar...roubar...

D. disse...

Tudo aumenta e embora não nos falem no aumento do desejo da fuga ele existe... O cenário não é animador e mostra-se muito pouco confortável...

Daqui a 1 ano, quem sabe também eu resolvo aumentar a minha insatisfação e embarcar para bem longe. Uma fuga consciente, ainda assim, fuga!

(Voltarei aqui + vezes)

pinguim disse...

Muito bom aproveitamento do tema do mês para denunciar (uma vez mais) o caos em que estamos a cair.

Mz disse...

Por todos estes motivos, agora é que temos de estar bem atentos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...